Análise SWOT

Análise SWOT é uma ferramenta de gestão bastante utilizada pelos gestores das organizações no planeamento estratégico dos seus negócios. O termo SWOT advém do inglês e representa as iniciais das palavras Streghts (forças), Weaknesses (fraquezas), Opportunities (oportunidades) e Threats (ameaças). Esta análise pode servir-nos como base para análise das principais competências e capacidades da organização. Para esta análise é necessário recolher informação, e esta deve cumprir as seguintes regras:

As informações devem ser recentes.

Isentas de influências.

As fontes devem ser adequadas e viáveis.

Todos os participantes devem conhecer os conceitos envolvidos.

Pode ser conveniente incluir as visões de pessoas de fora da organização.

Devem sempre estar baseadas nas percepções dos consumidores, não nas percepções dos gerentes.

Devem servir como catalisador para estruturar a concepção de estratégias de marketing que produzirão os resultados desejados.


A informação recolhida deve ser processada para a matriz SWOT que consiste na avaliação da posição competitiva da empresa no mercado através do recurso a uma matriz de dois eixos, cada um dos quais composto por duas variações: pontos fortes (Strenghts) e pontos fracos (Weaknesses) da análise interna; oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats) da análise externa. Ao construir a matriz as variáveis são sobrepostas, facilitando a sua análise e a procura de sugestões para a tomada de decisões, sendo uma ferramenta imprescindível na formação de Planos e na definição de Estratégias de negócio. (Exemplo - Figura 3)

Matriz SWOT

Figura 3 – Matriz SWOT
Fonte: (dos Santos, 1990)

A Figura 4 descreve as principais forças, fraquezas, oportunidades e ameaças.

Principais forças, fraquezas, oportunidades e ameaças


Figura 4 - Principais forças, fraquezas, oportunidades e ameaças.
Fonte: (dos Santos, 1990)

As principais tarefas elaboradas pela Análise SWOT são:

Avaliação de Forças e Fraquezas

Equiparação de Forças e Oportunidades

Conversão de Fraquezas em Forças e de Ameaças em Oportunidades

Desqualificação das Fraquezas e ameaças que não podem ser transformadas

A colocação destas informações numa tabela facilita a análise da situação da organização e ajuda o desenvolvimento de estratégias e técnicas para a dar resposta à situação.